Sustentabilidade em seus testes de vazamentos: entenda como isso é possível!

A busca por práticas sustentáveis é cada vez mais crescente nas indústrias de alimentos e farmacêutica, e isso se aplica não apenas nos produtos em si, como em diferentes processos antes mesmo de chegarem às prateleiras.

Prova disso é que até mesmo os seus testes de hermeticidade agora podem ser mais sustentáveis, graças ao advento de novas tecnologias, como o novo medidor de fuga de embalagens da TEX: o G4-GV.

E para saber melhor como isso é possível, entender a importância e as vantagens de agregar mais sustentabilidade aos seus testes e, claro, conhecer o equipamento, nós preparamos este post.

Boa leitura!

A importância de agregar mais sustentabilidade em seus testes de vazamentos

A conscientização ambiental e a responsabilidade social são temas centrais na sociedade contemporânea. Logo, inserir práticas sustentáveis nos processos industriais, incluindo os testes de vazamentos, não apenas contribui para a preservação do meio ambiente, mas também fortalece a imagem da empresa diante dos consumidores e parceiros.

Além disso, um teste de hermeticidade mais sustentável pode gerar economia ao processo, evitar perdas e desperdícios, e contribuir para suas políticas ESG.

Como tornar esse processo mais sustentável dentro da indústria?

Uma das principais formas para tornar os testes de vazamentos mais sustentáveis em sua indústria está na inovação e na adoção de equipamentos eficientes.

E como bem destacamos no início, o novo medidor de fuga TEX-G4-GV é um exemplo notável dessa abordagem, pois oferece não apenas precisão nos testes, mas também um impacto positivo do ponto de vista ambiental e na imagem de sua empresa.

Desenvolvido para medir vazamentos em embalagens flexíveis, este equipamento utiliza o princípio de leitura da variação de pressão de vácuo para garantir a qualidade de 100% das peças produzidas.

E para comprovar que é completamente possível agregar mais sustentabilidade aos seus testes de hermeticidade com o TEX-G4-GV, destacamos alguns diferenciais do equipamento.

  • Teste sem molhar a embalagem: O TEX-G4-GV permite a realização do teste sem a necessidade de molhar a embalagem, evitando perdas e desperdícios.
  • Redução de bloqueios e recalls: Com uma testagem rápida e precisa, o medidor de vazamento minimiza a possibilidade de bloqueios na produção e recalls devido a vazamentos não detectados. Isso não apenas economiza recursos, mas também evita prejuízos financeiros e danos à reputação da empresa.
  • Atendimento às políticas de ESG: O TEX-G4-GV está alinhado com as políticas de Economia Circular, Geração de Valor e Sustentabilidade. Ao adotar essa tecnologia, as empresas contribuem para práticas mais sustentáveis em conformidade com as demandas da sociedade moderna.

Além disso, o equipamento, com seu circuito pneumático inovador, é fabricado no Brasil, promovendo a economia local e simplificando a manutenção, tornando o processo mais eficiente e acessível.

Gostou das dicas e quer agregar mais sustentabilidade aos seus testes de hermeticidade, garantindo mais economia, redução de custos e mais precisão aos seus processos? Então, acesse já o nosso site e confira de perto todos os diferenciais exclusivos do mais moderno medidor de fuga no mercado nacional.

Imagem: divulgação

Gostou? Compartilhe!

LinkedIn
Facebook
WhatsApp

ARTIGOS RECENTES

Conheça os produtos que podem ser testados pela TEX
Testes de hermeticidade ajudam a reduzir desperdícios
Como evitar vazamentos nos seus cosméticos durante a viagem?
Embalagem Blister: quais os riscos de um vazamento?
Como um vazamento na embalagem pode influenciar na qualidade do seu café?